BREED Open data

BREED Dados Abertos

No final do projeto, a equipa do BREED disponibiliza os resultados dos inquéritos aos quais contribuíram especialistas e professores do EFP.
Estes resultados estão à disposição como Dados Abertos que poderiam ser livremente utilizados por comunidades de investigação e partes interessadas.

Consulta de peritos nacionais

Para alcançar uma elevada qualidade e utilidade, a criação do curso BREED baseou-se no exame das necessidades e expectativas dos utilizadores finais endereçados. Foi elaborado um questionário especial para identificar as principais questões que teriam de ser apresentadas, as melhores práticas para a suinicultura ao ar livre, os meios de comunicação social sugeriram ilustrar os tópicos do curso, áreas metódicas para os resultados da aprendizagem, bem como áreas organizacionais. O inquérito foi realizado no período de dezembro de 2019 a janeiro de 2020, nos países do projeto Itália, Polónia, Grécia, Portugal e Lituânia. Inicialmente, participaram 122 peritos nos países do projeto.

Distribuição dos inquiridos por país de origem
Distribuição dos inquiridos – por tipo de peritos
Áreas de importância para a suinicultura em regime de criação ao ar livre
Importância das práticas suinícolas para a criação de suínos em liberdade
Distribuição dos meios sugeridos para ilustrar os tópicos do curso

Consulta de professores e formadores de EFP

Desde a declaração do estatuto de pandemia mundial, o Consórcio BREED iniciou uma reflexão sobre o impacto que as medidas de segurança produziam nas metodologias de formação de EFP e as possíveis alterações das necessidades de formação identificadas no inquérito anteriormente realizado. No âmbito de encontrar potenciais áreas de melhoria do curso BREED, o projeto distribuiu online um pequeno questionário. O inquérito foi dirigido publicamente a professores e formadores de EFP e foi realizado de junho a julho de 2020. O inquérito baseou-se em três perguntas de texto aberto, além de um campo opcional para recomendações e sugestões. Um total de 18 respostas válidas foram registadas.

Na sua própria opinião e/ou na de outros colegas, quais são as dificuldades mais importantes encontradas pela formação profissional durante a resposta ao surto?
Especificamente em relação à formação em suinicultura, quais foram os aspectos que, na sua opinião, afectaram negativamente o processo de aprendizagem durante a resposta ao surto?
Como e quanto pensa que a formação em suinicultura deve ser revista a médio e longo prazo, no período pós-pandémico que se avizinha?
Observações e sugestões adicionais

2019-1-IT01-KA202-007785

BREED Empowerment of VET system through sustainable entrepreneurial initiatives in quality pig breeding

Stay tuned with BREED

Register here to receive continuous information about the BREED initiatives

All materials are copyrighted under the Creative Commons CC BY-NC-ND license

Para oferecer uma melhor navegação e permitir a coleta de estatísticas de visitas, com base em informações em formato agregado e anônimo, este site utiliza cookies analíticos, entre outros. Com o seu consentimento, este site também usa cookies de criação de perfil de terceiros. Se você quiser saber mais ou autorizar apenas alguns usos, consulte nossa política de cookies. Para dar autorização ao uso de todos os cookies, clique em ACEITO, ou simplesmente continue navegando no site. More information

Para oferecer uma melhor navegação e permitir a coleta de estatísticas de visitas, com base em informações em formato agregado e anônimo, este site utiliza cookies analíticos, entre outros. Com o seu consentimento, este site também usa cookies de criação de perfil de terceiros. Se você quiser saber mais ou autorizar apenas alguns usos, consulte nossa política de cookies. Para dar autorização ao uso de todos os cookies, clique em ACEITO, ou simplesmente continue navegando no site.

Close